Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Alunos do Nilo Cairo realizam primeira Câmara do Estudante

Alunos do Nilo Cairo realizam primeira Câmara do Estudante

por Administrador publicado 10/06/2011 17h50, última modificação 08/04/2016 19h55
Com a presença de alunos, professores e direção do Colégio Estadual Nilo Cairo, a Câmara de Apucarana iniciou, na noite desta quinta-feira (09), o projeto Câmara do Estudante.

Ele permite que alunos sejam vereadores por um dia, apresentando projetos e debatendo problemas do município em plenário, tudo de acordo com as normas previstas na Lei Orgânica e no Regimento Interno. “Foi uma verdadeira aula prática de democracia e de cidadania, em que os alunos puderam conhecer a estrutura e o funcionamento do Poder Legislativo, mas que também nos proporcionaram a oportunidade de aprender muito com eles”, avalia o presidente da Câmara, Alcides Ramos Júnior (DEM).

A primeira sessão da Câmara do Estudante foi presidida pela aluna Cláudia Caroline de Souza, que teve como vice-presidente Valter Alves Júnior, como primeira-secretária Kimbirlli Shauani Azevedo e como segunda-secretária Yasmim Rochele Soares Scarpett. Os demais vereadores estudantes foram Amanda Ligieri Cândido, Jaqueline Oliveira Silva Santos, José Henrique Amaral Gonçalves, Leodir de Souza Ferreira, Maria Gabriela Schoroeder, Nathan David Daniel e Taynara Beatriz Carvalho. A abertura dos trabalhos foi feita com a leitura de um trecho da Bíblia, feita pelo bispo diocesano Dom Celso Marchiori. O professor Luciano Molina representou o prefeito João Carlos de Oliveira.

Chamou a atenção dos vereadores a qualidade dos 11 projetos que foram discutidos e votados pelos vereadores estudantes, a exemplo do que foi assinado por Amanda Ligieri e que proíbe o uso de narguile nas vias públicas, num raio de 500 metros das escolas do município. O projeto também estabelece que a Guarda Municipal ficará responsável pela fiscalização e apreensão dos equipamentos daqueles que infringirem a lei. Os estudantes apresentaram estudos da Organização Mundial da Saúde (OMS) demonstrando que uma sessão de narguile tem o efeito de 100 cigarros, sendo um caminho para o tabagismo e para o consumo de outras drogas. Também foram apresentados, entre outros, projetos tratando sobre maior presença da juventude na Conferência dos Direitos da Criança e do Adolescente, sobre a substituição de sacos plásticos de lixo e sacolas plásticas por sacos e sacolas ecológicas, maior espaço para os jovens no mercado de trabalho, maior acesso das escolas ao Cine Teatro Fênix e maior transparência nas contas públicas.

No final da sessão, os vereadores titulares se comprometeram a apresentar os projetos nas sessões ordinárias. “É importante frisar que todo ano nós vamos selecionar os 54 melhores projetos e seus autores vão viajar a Curitiba para poder ser também deputado estadual por um dia, graças a um acordo que fizemos com o presidente da Assembléia Legislativa, Valdir Rossoni”, afirmou Alcides Ramos. Para o diretor do Nilo Cairo, João Calegari, a Câmara do Estudante ajuda a fomentar a participação popular na política. “O cidadão não pode ser lembrado só na hora do voto. Este projeto é um exemplo de como se pode abrir espaço para que as pessoas possam viver a política no seu dia a dia”, salientou. Houve ainda homenagens a professores, alunos e servidores da Câmara que colaboraram com o projeto.